facebook-domain-verification=rfmqu3eh3vy8f2mpk9sc8742h2qial
 

Saúde mental pós-covid: como lidar com a ansiedade?



Estudo da Universidade de Oxford observou que pessoas que tiveram covid-19 têm risco maior de apresentarem ansiedade, depressão e insônia.


O levantamento da Universidade de Oxford analisou os prontuários médicos de mais de 69 milhões de pacientes nos Estados Unidos. Quase um em cada cinco dos recuperados (18%) sofreu algum psiquiátrico. Esse número é quase o dobro de pacientes com outras doenças, como gripes, infecções do trato respiratório e dermatológicas, pedras nos rins e na vesícula e grandes fraturas ósseas.


O psiquiatra Ary Gadelha, da Universidade Federal De São Paulo (Unifesp), é um dos coordenadores do Guia de Saúde Mental Pós-Pandemia Mental no Brasil, do Instituto de Ciências Integradas (INI), que aponta uma “pandemia paralela” que traz o aumento do sofrimento psicológico.


O documento divide as consequências da pandemia de covid-19 em quatro ondas: a primeira está relacionada à sobrecarga do sistema de saúde; a segunda aponta a diminuição dos recursos da saúde para o tratamento de outras doenças; a terceira fala na interrupção do tratamento de doenças crônicas; por fim, a quarta indica o aumento de transtornos mentais e trauma psicológico provocados diretamente pela doença, que vão persistir ainda por um bom tempo após a pandemia.


“Estamos em alerta para essa onda de transtornos mentais que envolve tanto a ação do vírus no sistema nervoso quanto o impacto psicológico das implicações da doença. Pedimos que as pessoas cuidem de sua saúde mental. E as que tiveram covid, tão logo se sintam mais tristes ou ansiosas, busquem a orientação de um psiquiatra ou psicólogo para que o caso seja avaliado”, diz o médico.


Conforme já explicou o psiquiatra Ary Gadelha, a tristeza e ansiedade não podem ser ignoradas e, se persistentes, é preciso buscar ajuda médica. Porém, é importante que as pessoas cuidem de sua saúde mental ao longo da vida.


Cuide da sua saúde mental


Veja dicas para manter a saúde mental em dia, mesmo em tempos difíceis.


– Preocupar-se é inerente ao ser humano. Aceite esse sentimento como parte de sua vida; – Entenda o que você pode ou não controlar; – Converse com as pessoas próximas sobre o que está acontecendo com você; – Cuide o seu sono, da higiene e da alimentação; – Não troque o dia pela noite; – Evite o excesso de exposição a notícias; – Converse com amigos e família por chamada de vídeo e não apenas por mensagens; – Exercite-se; – Faça meditação; – Arrume a cama e tire o pijama, mesmo se for ficar em casa; – Dedique-se a atividades que te tragam gratificação pessoal; – Evite o consumo de álcool em excesso. É fácil perder o controle; – Não faça a automedicação. Use ansiolíticos apenas com prescrição médica; – Respeite a retomada das atividades, não exija demais de si mesmo. Cada um tem seu tempo.


Se você deseja ser atendido aqui na Libertá pelo seu plano de saúde, entre em contato com a gente para saber se seu convênio cobre a modalidade de teleatendimento. Clique aqui para saber de todas as informações que você precisa.


Para ser atendido online de forma particular, é muito fácil. Temos aqui no site uma página inteira dedicada para explicar o atendimento online e realizar o pagamento da forma que preferir. Clique aqui para conhecer nosso serviço com todas as vantagens que oferecemos para você.


Marque a sua consulta online aqui










Fonte: https://es360.com.br/saude-mental-pos-covid-como-lidar-com-a-ansiedade/


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square