Please reload

Posts Recentes

Terapia online na Libertá Psicologia

August 14, 2020

1/7
Please reload

Posts Em Destaque

Porque meu filho se comporta bem ou mal? 4 Erros dos Pais.

Muitos pais me fazem essa e outras perguntas e não entendem  os motivos pelos quais os filhos se comportam bem em determinados locais e pessoas e se comportam mal em outras circunstâncias. Em geral, essas situações acontecem porque os pais cometem 4 erros básicos no processo de educação dos filhos, segundo o psicólogo PhD Lynn Clark:

 

Erro 1: Não recompensar o bom comportamento 

 

Esse é um erro muito comum, quando achamos que nossos filhos devem fazer as coisas por obrigação. Um filho chega com um boletim cheio de notas boas e elogios da escola, mas o pai apenas diz que não fez mais que a obrigação, pois a única coisa que o filho faz é estudar. O filho sai da sala triste e fica o dia todo no quarto.

 

Erro 2: Castigar o bom comportamento 
 

Imagine a cena: a filha fazendo um delicioso bolo para o lanche da tarde da família no fim de semana e quando a mãe chega na cozinha briga com ela porque tem louça suja na pia. O que será que aconteceu depois? Uma briga entre as duas, claro. A filha irritada porque a mãe não a incentiva e a mãe irritada porque a filha sujou a cozinha. Essa mãe acabou de castigar uma bela iniciativa da filha.

 

Erro 3: Recompensar o mau comportamento 
 

Essa situação com certeza acontece em muitas famílias: a mãe preparando o almoço e o filho com fome quer comer um doce. A mãe nega e pede para o filho esperar. Em seguida a sessão de birra, de choro e de súplicas começa e parece não ter fim, mesmo com a mãe conversando e explicando para ele esperar o almoço. Por fim, a mãe prefere dar logo o doce para poder terminar o almoço em paz. O filho se acalma porque conseguiu o seu doce para aliviar sua fome. O que a mãe acabou de fazer foi recompensar a birra que é um mau comportamento.

 

Erro 4: Não castigar o mau comportamento 
 

Imagine dois irmãos brigando e se agredindo fisicamente por causa de um brinquedo. O pai assiste a tudo de longe e acredita que isso é coisa de criança e crianças se entendem. Por esse motivo, ele acredita que não deve intervir. O comportamento violento dos irmãos não foi interrompido nem castigado pelo pai e a tendência é desse comportamento violento aumentar a cada dia.

 

Se seu filho está se comportando mau, tenha certeza de que um desses erros estão sendo cometidos. Os filhos reagem a esses 4 erros e percebem quando os pais estão sendo injustos ou omissos, não importa onde estejam. Se as crianças percebem que estão sendo valorizadas, elas se comportam bem, em qualquer lugar, perto ou longe dos pais.

 

Os pais que elogiam tem mais chance de verem seus filhos repetindo bons hábitos e afazeres do dia a dia. As coisas boas que os filhos fazem e dizem podem ser elogiados e no mínimo podem merecer um agradecimento. Isso não significa que tudo os que os filhos fazem merecem aplausos, mas ter um lanche preparado, a louça limpa, a casa em ordem é sim uma boa forma de união familiar.

 

Já os comportamentos de birra, violência, choros excessivos e mal criações devem ser tratados da forma adequada: não serem recompensados de forma alguma e tudo o que os filhos passarem dos limites devem merecer uma consequência. Os pais precisam ser firmes e coerentes na hora de educar os filhos.

 

Para saber mais, fale com a psicóloga.  Para saber como podemos ajudar você e seu filho, veja como funciona nosso Programa de Orientação de Pais

 

Por Psicóloga Patrícia Machado (CRP 01/9368).

MBA em Clínica Interdisciplinar da Infância e Adolescência e Especialista em Terapia Cognitivo Comportamental.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga